WEBMOTORS

março 7, 2009

Honda CG Titan 150 e Yamaha YBR 125 Factor, qual é melhor?

Honda CG Titan 150 e Yamaha YBR 125 Factor, qual é melhor?

As duas são colocadas lado a lado, confira qual delas agrada mais

duelo1Na duvída entre qual das duas das motos mais vendidas do país escolher, o consumidor se encontra perdido e confuso, tendo que optar por beleza ou funcionalidade. Comparamos as eternas rivais, que estão renovadas para 2009: Honda CG Titan 150 e Yamaha YBR 125 Factor. Em suas versões top de linha (ESD e ED, respectivamente), mostramos os pontos fortes e fracos de cada uma.

Além da capacidade do motor, ambas se diferenciam ao primeiro olhar. A Factor encanta com seu visual esportivo e street, ressaltado pelas rodas de liga leve, disponíveis na versão ED, lembrando muito sua irmã maior YS 250 Fazer. Entre alguns motociclistas, ganhou o apelido de “mini-Fazer”. Já a rival da Honda resolveu inovar no design, com uma carenagem no farol que não agradou a todos. Inédito no Brasil, o novo desenho já recebeu alguns apelidos e muitas críticas.


Encontre CG Titan no Buscapé

Encontre também a YBR Factor no Buscapé


duelo11

Gosto à parte, ambas são as motos mais vendidas das respectivas marcas. Já no ranking de emplacamentos, a CG 150 lidera, enquanto a 125 da Yamaha ocupa a quarta posição entre as mais vendidas.

Quando o quesito é praticidade para transportar pequenos objetos, ambas se equivalem. A Honda Titan 150 conta com um gancho metálico próximo aos amortecedores traseiros. A YBR Factor também traz ganchos na alça da garupa, com o mesmo propósito. Ambas levam um capacete fechado no banco destinado ao carona somente com a “aranha” de fixação.

Já nos punhos de comando as rivais são contrastantes. Na Yamaha eles são semelhantes aos da sua irmã maior, a YS Fazer 250, com lampejador de farol e corta-corrente. Os comandos da Titan pararam no tempo. Os dois itens citados na concorrente inexistem na Honda, e o restante é praticamente igual ao que trazia a CG 125 Titan de 2000, exceto pela falta do botão liga/desliga do farol (agora acionado automaticamente ao se ligar o motor).

duelo8

duelo9

SUSPENSÕES E MOTORES

Em relação ao conforto, as suspensões — ambas de garfo telescópico na dianteira e duplo amortecedor na traseira — funcionam muito bem nas duas motocicletas, com vantagem para a Yamaha pela suavidade. Contra a marca dos três diapasões está o banco da YBR. Com uma espuma muito mole, cansa o piloto após longo tempo pilotando. No caso da Titan 150, o banco foi redesenhado e tem uma espuma mais densa e confortável.

duelo3

LADO A LADO, AS DUAS CAMPEÃS

O visual das duas motos começa a diferir já no conjunto óptico, com a Honda mais ‘ousada’, e a Yamaha, clássica. Nas rodas e pneus, ponto para a Yamaha, que traz um conjunto com aro em liga-leve e pneus sem câmara. A concepção dos motores é o grande diferencial dessas motos urbanas. As concorrentes já atendem ao Promot 3 (lei de controle de emissão de poluentes) e utilizam soluções diferentes para cumprirem a norma. A Honda inovou ao equipar sua campeã de vendas com injeção eletrônica de combustível, além de sensor de oxigênio e catalisador. A YBR 125 Factor teve seu carburador remodelado, ganhou sensor de “cut-off”, acionamento do segundo estágio a vácuo e sensor de posição do acelerador. Com essas soluções, a Factor consegue um resultado semelhante a um motor injetado, cortando o envio de combustível quando o acelerador não é acionado com a moto em movimento.

duelo2

Tantas inovações têm seu preço. Os números de potência e torque reduziram na YBR; na Honda a potência continua a mesma da CG 150 carburada (a 500 rotações acima) e o par máximo diminuiu. Falando abertamente, a YBR sofre pela falta dos 25 cm³ em relação à Titan e também com as novas regras de emissão de poluentes, que obrigaram a Yamaha a instalar dois catalisadores no escapamento, deixando a Factor um tanto “amarrada”.

duelo7

duelo6

Nas estradas, onde a Yamaha anda “esgoelada”, ainda sobra acelerador na CG. Isso se traduz em um consumo mais alto. Rodando com ambas, as  médias de consumo com a CG é de mais de 40 km/l e com a rival as médias obtidas ficam entre 33 e 35 km/l. Ao se falar em consumo, não podemos deixar escapar o grave calcanhar-de-aquiles da nova Titan. Ela não tem torneirinha de combustível e nem luz indicadora de reserva — há somente o marcador de gasolina. Portanto, um motociclista mais distraído pode ficar a pé se não ficar atento ao nível.

Já na rival, equipada com a torneirinha de combustível, ainda há chances de chegar ao próximo posto para abastecer ao se abrir a reserva. Um item bastante útil para os distraídos.

duelo4

duelo5

Tanto YBR Factor e CG 150 Titan são ótimas motos  na cidade: estáveis, ágeis e confortáveis. Porém, a maciez do conjunto motor/câmbio/freios e suspensões da Yamaha acaba sendo ofuscada pelo maior vigor do motor da Titan, que exige menos trocas de marchas e permite ao piloto rodar com o acelerador menos aberto.

Na hora de frear, as motocicletas apresentam freio a disco na roda dianteira (de pistão simples na Factor e duplo na Titan) e a tambor na traseira. A 125 da Yamaha mostra reações melhores, enquanto a rival apresenta um acionamento um pouco mais “borrachudo”.

Nos trechos de curvas, vantagem novamente para o modelo Yamaha. A versão ED testada sai de fábrica com rodas de liga-leve calçadas com pneus Metzeler ME 22, sem câmara e de perfil esportivo. Itens que fazem dela uma das motos mais completas da categoria. Já a Honda peca por não equipar a CG top de linha com rodas de liga e pneus sem câmara. Suas rodas raiadas e os pneus Pirelli City Demon são de boa qualidade e dão conta do recado — mas, como se trata de modelo top e de preço mais elevado, bem que a Titan 150 poderia ter rodas mais bonitas.

QUANTO CUSTAM

Por falar em preço, esse é um item muito importante nessa categoria de motos urbanas de baixa cilindrada. Se compararmos os valores divulgados pelas fábricas, a diferença entre Titan e Factor é de pouco mais de R$ 500. Porém, o preço praticado nas concessionárias das marcas, em geral, dobra essa diferença.

Ao consultarmos as concessionárias, constatamos que a Factor apresenta larga vantagem. O valor médio cobrado pela Yamaha YBR 125 Factor ED é de R$ 6.800, enquanto a concorrente Honda CG 150 Titan está sendo vendida a R$ 7.900. Uma diferença de quase 15%, que significa parcelas mais baixas no financiamento — ou ainda uma economia para comprar equipamentos de segurança.

Fichas Técnicas
:

Honda CG 150 Titan ESD
Motor: monocilíndrico, 149,2 cm³, duas válvulas por cilindro e refrigerado a ar
Diâmetro x curso: 57,3 mm x 57,84 mm
Taxa de Compressão: 9,5: 1
Potência máxima: 14,2 cv a 8.500 rpm
Torque máximo: 1,32 kgfm a 7.000 rpm
Alimentação: Injeção eletrônica PGM-FI
Câmbio: 5 marchas
Transmissão: corrente
Comprimento: 1.988 mm
Largura: 730 mm
Altura: 1.098 mm
Altura do banco: 792 mm
Distância entre eixos: 1.315 mm
Peso (a seco): 119,4 kg (versão ESD)
Tanque de gasolina: 16,1 litros
Quadro: Diamond
Suspensões: Garfo telescópico na dianteira e duplo amortecedor na traseira
Pneus: Pirelli City Demon 80/100-18 (dianteiro) e 90/90-18 (traseiro)
Freios: Disco simples de 240 mm de diâmetro com cáliper de dois pistões na dianteira (versão ESD) e tambor de 130 mm na traseira
Cores: azul metálica, prata metálica, vermelha e preta
Preço sugerido: R$ 6.990 (versão ESD)

Yamaha YBR 125 Factor:
Motor: Monocilíndrico, 124,9 cm³ duas válvulas por cilindro, refrigerado a ar
Diâmetro x curso: 54,0 mm x 54,0 mm
Taxa de compressão: 10,0:1
Potência máxima: 11,2 cv a 8.000 rpm
Torque máximo: 1,13 kgfm a 6.000 rpm
Alimentação: Carburador Mikuni BS 25
Câmbio: 5 velocidades
Transmissão: Corrente
Comprimento: 1.980 mm
Largura: 760 mm
Altura: 1.080 mm
Altura do banco: 780 mm
Distância entre eixos: 1.290 mm
Peso (a seco): 112 kg (versão ED)
Tanque de gasolina: 13 litros
Quadro: Diamond em aço
Suspensões: Garfo telescópico com 120 mm de curso na dianteira e duplo amortecedor com 105 mm de curso na traseira
Pneus: 2.75-18 42 P Metzeler ME 22 (dianteiro) e 90/90-18 42 P Metzeler ME 22 (traseiro)
Freios: Disco simples de 245 mm na roda dianteira com cáliper de pistão simples e tambor de 130 mm de diâmetro na traseira
Cores: Azul, prata, preta e vermelha
Preço sugerido: R$ 6.585

Adaptado de Infomoto

Leia também:

Nova Saveiro tem fotos divulgadas e se chama Arena
Nissan inova com Qazana em Genebra
Punto Turbo batendo racha com outro! Veja o vídeo
Strada cabine dupla já roda em testes
Adeus “tanquinho” de gasolina
Yamaha XT 660R
Yamaha XTZ 125X
Novo Polo é apresentado pela Volks
Mercedes-Benz GLK 280: O encara tudo da marca alemã
Polo BlueMotion promete beber até 30% menos
Fotos da possível Nova YBR 150

Nova Ranger é apresentada pela Ford
Nova Saveiro com cabine estendida se chamará Arena
Gran Venture é o nome da nova Fiat Strada cabine dupla!
Nova Lander 2009 Yamaha XTZ 250
Nova XTZ 250X Motard 2009
Nova XR 250 Tornado!
Nova Twister, ou seria kriva?
Novo Uno e projeto Viva
CG Titan 2009 faz mais de 40 km/


Anúncios

20 Comentários »

  1. AS DUAS MOTOS SÃO OTIMAS E FICARAN LINDAS MAS PREFIRO A TITAN 150

    Comentário por ARAUJO — março 8, 2009 @ 2:58 pm

  2. Prá mim cara é a CG150 é bem mais Esportiva
    é tem outra ficou linda…

    Comentário por João Roberto — março 20, 2009 @ 1:10 am

  3. Kra pra faalr alguma coisa tem q ter andando nelas e conhecer ela mto bein
    quem diz q a factor ñ é a melhor ñ tah sabendo de nada…
    sem contar que o design é mto mais harmónico!!!

    Comentário por Nathy — março 20, 2009 @ 5:00 am

  4. essa frente da titan 150 parece a cara de um maciano é feia. sou mais a ybr

    Comentário por welton — março 25, 2009 @ 12:22 am

  5. Acho q a honda tah perdendo um pouco o espaço. A yamaha vem mostrando otimos desempenhos ultimamente. Acho e esse ranking deve mudar logo logo.

    Comentário por veneninho — março 25, 2009 @ 12:52 pm

  6. É a 150 ficou muito shonw de bola mais o que ficou meio estranho néla foi aquéla crenagem tianteira do farol!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Comentário por bruno — março 26, 2009 @ 1:26 am

  7. É a 150 ficou muito shonw de bola mais o que ficou meio estranho néla foi aquéla crenagem tianteira do farol!!

    Comentário por bruno — março 26, 2009 @ 1:28 am

  8. Bá tchê!! gostei da comparação ai.. bem complata e tal mas..só acho q deveriam comparar YBR 125cc com a CG 125cc!! seria mais justoo! ai naum sei naum.. a yamaha ia dah showw!! ushauhsuha
    Assim compara uma com a 150 hehehe.. eh claro q vai te mais motor.. obvio!
    obs.. nada contra honda>> ok!
    valeu!

    Comentário por Marcelo — abril 1, 2009 @ 1:57 am

  9. compara com a 125 da honda… que eu quero ver a taca!!!

    Comentário por wenderson — abril 1, 2009 @ 3:31 pm

  10. a cg 150 e muito masa, mas sou mais a 125 factor;buenos aires.brasil.

    Comentário por douglas almeida — abril 19, 2009 @ 9:40 pm

  11. a ybr factor nem si compara com a cg 150…
    a ybr factor tem tudo de bom….

    Comentário por jonatas — maio 15, 2009 @ 1:34 pm

  12. YBR muito mais moto.!

    Comentário por Fabinho — junho 25, 2009 @ 2:23 pm

  13. com certeza a ybr ficou com um visual muito mais bonito q a honda… sem contar que a frente da 150 ficou parecendo um power ranger kkkkkkkk

    Comentário por Rosane — julho 10, 2009 @ 1:47 pm

  14. a titan e uma moto muito boa tem mais um pouquinho de força mais eu prefiro a factor porque a fabrica da yamaha eles tem um certo coprichos em acabamentos de todas as motos elas são macias,não eceita qualquer mecanico curiosos,não aceita peças paralelas ,tem um otimo desempemho em motores e ETC.

    Comentário por luciano — agosto 6, 2009 @ 1:04 pm

  15. já tive motos honda, mas hoje prefiro a yamaha, porque! se preocupou em crescer em conforto, autonomia, sistema ante vibração, e inumeros detalhes, é pena que isso signifique.
    Y amaha
    A inda
    M antem
    A
    H onda
    A tras
    obrigado.

    Comentário por lucio — agosto 10, 2009 @ 2:47 pm

  16. já andei nas duas, e com certeza absoluta a YBR é melhor em tudo que a CG. Porém, existe esse problema do motor que reflete na economia e desgaste do piloto, fora isso a YBR é show. Um abraço a todos.

    Comentário por Wellington da Mota Silveira — agosto 29, 2009 @ 8:17 pm

  17. Não adianta discotir a Yamaha é a melhor do Brasil e isso é provado por quem tem motos da marca,eu tenho uma Ybr Factor 125 ED ela é perfeita , linda e economica.A Yamaha fez a melhor 125 da história do Brasil.viajo muito com a minha factor para todo o Sudeste e muita gente me pergunta se é uma Fazer250i.e isso pra mim é satisfatório, por que? se eu tenho uma moto 125 e todo mundo confudi com uma 250(fazer) é porque ela é surpreendente,não é atoa que a Factor é campeão nacional de Designer e a Yamaha é campeão nacional de lançamentos vem ganhando todos os anos pelas revistas e comparações, a Yamaha mudou a história de fabricação de motos do Brasil pioneira em injeção eletrônica como por exemplo a Fazer, que é o maior susseso de vendas desde 2005 vem cendo a moto mais desejada do Brasil,nunda na história de um lançamento de uma moto teve um aceitamento de 100% de satisfação e a melhor explosão de venda da história em tão pouco tempo são cinco anos de laçamento e muito susseso ,a 15 quinze anos de novas motos a Yamaha investiu no sonho de todo Brasileiro e quebrou aquele velho tabú antigo das motos de (2) dois tempos,isso é coisa do passado ,agora a Yamaha toca o seu coração.palavras de Deivid Ribeiro fã numero 1…

    Comentário por Deivid Ribeiro — janeiro 7, 2010 @ 11:02 pm

  18. olha eu tenho 17 anos pretendo fazer um investimento através dum consórcio…..
    YBR provou ser bem melhor, pois está sendo comparada com a 150 honda..
    entao honda éh boa de comercio e tal.. mais quando falamos de investimento, temos que optar por qualidade.. e afinal compra com finalidade de vender, isso nao éh pra consumidor, e sim vendedor
    YBR Factor éh uma ótima escolha alem do preço que andei pesquisando.. todos os sites de comparaçao entre as duas a ybr factor ganha…
    Agora cá pra nós….( HONDA essa 150 parece a moto dos Power Rangers, aki nao tem criança não… (moto éh YBR Factor) ;D

    Comentário por Paulo Henrique — fevereiro 10, 2010 @ 5:37 pm

  19. Pra quem quer moto bonita YBR
    Pra quem quer moto funcional, economica e que não desvaloriza na revenda Titan 150.
    O resto é papo de Mauricinho que nao entende nada de mecânica!

    Comentário por Elder Ribeiro — abril 21, 2010 @ 1:10 pm

  20. Entrei neste site só para ter certeza de qual das duas iria me satisfazer melhor, e concerteza ja sei qual delas será minha companheira de estrada: ybr 125 factor, a minha emoção e satisfação garantida….abraços a todos.

    Comentário por Djalma Fernandes — setembro 2, 2010 @ 7:41 pm


RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: